Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Home Office: um desafio para o mundo corporativo

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

Enquete

Os profissionais do nosso setor, tem dificuldades na indicação de lojas de material de construção para seus clientes. O que você espera que uma loja proporcione?





Ver todos os resultados

 

Discussões no Fórum

Terreno com olho d'agua

Terreno com olho d'agua

Terreno com olho d'água.

Procuro designer de interiores rj

Armário de cozinha, como escolher?

Em Exercício Profissional (veja mais 118 artigos nesta área)

por Engº Civil Marcio de Almeida Pernambuco

2.012 – Importante ano para as Entidades de Classe do Sistema Confea/CREAs



Ano importante para as Entidades de Classe, domingo, 7 de outubro temos eleições municipais, para vereadores e prefeitos. Mas, o que uma eleição tem a haver com uma Entidade de Classe perguntariam alguns?

Bem se a sua Entidade de Classe não tem nada para predispor e influenciar nos futuros planos do governo municipal e não deseja fazer nada a respeito acerca de políticas públicas nas áreas da Engenharia, Arquitetura e Agronomia, achando que está tudo em ordem, está tudo bem, tranquilo e nada precisa evoluir, então pode continuar assistindo o Big Brothers...

Agora se quer mudar o rumo das coisas influenciar sobre as propostas das áreas tecnológicas com vistas à inclusão de evoluções, necessidades deixando sua Entidade na vanguarda dos planos de governo municipais, identifique-se com a questão...




Está na hora de tirar a sua Entidade de cima ou pior de trás do muro, para ocupar uma posição de destaque no cenário da política pública municipal, valorizando seus profissionais.

A Entidade de Classe que não conseguir enxergar uma brecha no relacionamento entre seus objetivos e o seu relacionamento com o poder público, executivo e legislativo, não aceita bem que:- O Poder executivo é o poder do Estado que, nos moldes da constituição de um país, possui a atribuição de governar o povo e administrar os interesses públicos, cumprindo fielmente as ordenações legais. E que o objetivo do Poder legislativo é elaborar normas de direito de abrangência geral ou individual que são aplicadas a toda sociedade, com o objetivo de satisfazer os grupos de pressão, a administração pública, a sociedade e a própria causa.

Temos tudo a ver com isto sim... Será que as Associações de Engenharia não têm interesses públicos, ou não querem nada para a sua própria causa ou em prol da Sociedade.

Ações destinadas à Sociedade melhoram imagem das Entidades de Classe, e uma parceria Prefeitura x Legislativo x Entidade de Classe é muito saudável para ambos.

Se tiver esperanças de aprovar em seu município, leis fundamentais para uma participação inteligente da sua Entidade na Comunidade se quer ter a convicção de mudar o relacionamento entre a Entidade de Classe, Prefeitura, Legislativo, e até quantificar como a Comunidade identifica a participação da sua Entidade de Classe na Sociedade, este é o ANO.
Abra espaço para incrementar a participação dos profissionais na gestão pública municipal.

Convoque seus Associados e traga também aqueles que ainda não são sócios, mas que a partir de agora possam se simpatizar com esta nova proposta da Entidade, enfim todos os profissionais da área tecnológica que possam influir no futuro da Cidade.
Que tal primeiro uma elaboração de um diagnóstico sobre o que o seu município realmente necessita para melhorar a qualidade de vida da população. Temos muito a ver com isto...

Planejamento, Plano Diretor, Código de Obras, Código de Postura, Meio Ambiente, Proteção de nascentes, Arborização, Poluição, Resíduos Sólidos, Saneamento, Uso e Reuso de Água, Reciclagem, Produção Rural, Agronomia, Obras Públicas, Caderneta de Obras, Tombamento, Segurança Pública, Regularização de Obras, Moradia Econômica, Inspeção Predial, Laudos Técnicos, Avaliações, Bombeiros, Agenda 21, IPTU, ISS dos profissionais, ISSQN, Transito, Acessibilidade, Conservação dos solos, Uso da água, Aprovação de Projetos, Mobilidade Urbana, Iluminação Publica, Licitações de Obras e Serviços de Engenharia, Fiscalização Integrada, Engenharia e Arquitetura Pública, Obtenção de Recursos, Sistema Viário, Defesa Civil, Ocupação de Cargos Técnicos, por técnicos, Vistoria de Edificações, Doação de terrenos, Remuneração dos profissionais públicos, Lei 4.950-A - Salário mínimo Profissional, enfim temas valorizando a engenharia no seu município. - Você só tem a ganhar como profissional e como cidadão.

Proponha diversos projetos em parceria, aborde sobre leis da área tecnológica que melhore a qualidade de vida, tais como calçadas ecológicas, município sustentável, Plano Diretor de Arborização Urbana, enfim inúmeros assuntos podem sair deste encontro com uma luz para ambos os lados. Quando estas ideias são aceitas e os profissionais participam efetivamente deste processo, tudo fica mais fácil. Com esta ação estaremos resgatando a responsabilidade do profissional e abrindo mercado para que mais profissionais possam exercer a sua cidadania, aproximando os poderes de uma decisão mais coerente e técnica, dos problemas da cidade.

Procure fazer uma reunião, definindo claramente o que a Entidade procura com este proposito. Os objetivos que se tem e uma visão clara dos problemas que se quer resolver com a realização destes encontros. Traga propostas de interesses reflexivos dos profissionais e das profissões.




É importante também discutir a ideia central da proposta desde o início com todas as pessoas interessadas, pois seu envolvimento futuro nos trabalhos será motivado pelas visões compartilhadas nesta primeira etapa. Consiga abraçadores da causa.

Primeiro faça um “Checklist” de tudo que uma Entidade de Classe pode fazer em parceria com o executivo e o Legislativo, de tudo que não vai bem na cidade, e de tudo que a Associação gostaria de poder influenciar para mudar. Promova uma troca de ideias entre a sua Diretoria, Conselho e Associados. Descubra o que outras Entidades conseguiram em outros municípios, e o que falta para a sua; Isto certamente ampliará as propostas e sugestões, ideias e soluções, caminhos e reinvindicações, para alguns dos problemas identificando-os. Isto é cidadania...

É muito saudável a aproximação dos profissionais com os problemas da cidade, e com os futuros gestores públicos. Os pretendentes aprendem muito nestes encontros, e acabam identificando a Entidade como uma organização com expertise nos problemas e possíveis soluções. Afinal o que estamos fazendo é organizando ações dirigidas à construção de um debate em prol da melhoria da qualidade de vida.

Nada é impossível, basta querer e ter vontade para que as coisas possam evoluir e mudar. Alguém já disse que:- “Os únicos limites do homem são:- O tamanho das suas ideias e o grau de sua dedicação” - (F. Veiga).

Convoque todos os candidatos a Prefeito, através de ofício para um Encontro com a sua Associação. Não esqueça nenhum, mesmo aquele que não tem chance. Verá o quanto um candidato promete em campanha, principalmente para uma seleta plateia formadora de opinião como nós técnicos, porem, o melhor mesmo é gravar ou até mesmo filmar para poder cobrar mais tarde. Peça que cada um apresente seu Plano de Governo, e faça perguntas dedicadas a nossa área, é importante que os candidatos conheçam as ideias e as reivindicações da entidade.

Alguns problemas e sugestões e como se resolver aparecem como mágica e a Entidade irá então procurar a se colocar à disposição para ajudar o futuro prefeito nos estudos, projetos, planejamento e nas decisões para as áreas em que atuam.

A Entidade mantendo a imparcialidade e transparência contribui para a melhoria da Comunidade, o que pode render bons frutos, participando das futuras decisões meritórias da cidade..

Faça uma pauta, com as perguntas chaves e encaminhe com antecedência aos candidatos. Suas assessorias trabalharão para que o candidato possa responder as questões com conhecimento de causa e na maioria das vezes os candidatos terão que estudar as matérias apresentadas.

No encontro, convide a imprensa e chame outras lideranças para assistir. Faça com que os candidatos além de exporem o seu plano de governo explanem sobre o que pretendem realizar a frente do executivo, Sabatine-os (um de cada vez) em uma gama variada de assuntos, principalmente os ligados à área tecnológica, e os maiores problemas da Comunidade e no final entregue pela Entidade uma pauta de solicitações e sugestões para o futuro governo.

Não se esqueça de incluir aí um compromisso dos candidatos em relação à sustentabilidade o que pode ser obtido no site "Cidades Sustentáveis.org.br".

Lembre-se que como uma Organização prestadora de serviço à Sociedade, a Entidade de Classe, é uma instituição civil democrática de direito privado, de fins não econômicos, de caráter sócia- cultural- ambientalista, e principalmente apartidária que coloca aos candidatos a maneira como a Entidade vê o momento por que passa a cidade, expõe seus anseios, receios, reinvindicações e coloca-se à disposição do futuro prefeito para colaborar...

Abra espaço para incrementar a participação dos profissionais nas gestões públicas municipais.


Você conhece o "Curso a distancia IBDA - SitEscola? Veja os cursos disponíveis, e colabore com o IBDA, participando, divulgando e sugerindo novos temas.

Comentários

Mais artigos

Carta a um calouro (de arquitetura ou de engenharia)

A Profissão de Arquiteto

O que é Engenharia de Software?

Tabela de Honorários

Como e quanto os arquitetos cobram pelo seu trabalho?

Arquiteto, designer e decorador: sem preconceitos

Vantagens de estar desempregado (ou não) durante a seleção

Sucesso + Engenharia = Realizaçao profissional

6 ideias que podem mudar sua sina na entrevista de emprego

A responsabilidade profissional e o ser humano

O Mito da Criatividade em Arquitetura

Vantagens da Contratação de um Profissional Especializado

Diferença entre Arquiteto, engenheiro civil e designer de interiores

7 aspectos para começar e construir uma carreira em arquitetura ou design .

Quer ser um engenheiro de sucesso? Seja um engenheiro criativo.

O caminho de volta

O valor do profissional brasileiro

Contratação por projeto executivo define a obra

Inteligência Emocional: Conheça características do líder moderno

A importância do Planejamento no Papel

Atribuições do arquiteto

Lelé: cidades como São Paulo são Frankensteins.

Engenharia Nacional e a Competitividade Brasileira

A corrupção e a garantia quinquenal de obras

Como ser um empreendedor de sucesso

Sociedade entre Arquitetos: A construção em grupos de pesquisa e preço competitivo no mercado da construção

Trabalhar em casa: um bom negócio

Trabalho em equipe, 10 dicas para que isso aconteça.

Promiscuidade entre estado e governo: o vórtice do mal.

O “irresponsável técnico” da engenharia, arquitetura e construção

Arquitetos voltados a Decoração

2.012 – Importante ano para as Entidades de Classe do Sistema Confea/CREAs

Como produzir (provocar) a propaganda boca-a-boca

Os arquitetos e as cidades

Por que é que a gente é assim?

Profissionais da Engenharia, Arquitetura e Construção do 3º milênio

Qual é o valor da minha hora-técnica? Como calculo isso?

Dia do Arquiteto. Dia do Engenheiro : Profissionais que transformam sonhos em realidade

O arquiteto como administrador de obras: vamos unir o útil ao agradável!

A falta de planejamento das pequenas empresas na construção civil

As previsões de Nostradamus, e a vergonha da Copa de 2014?

Porque o arquiteto deve fazer a administração de obras

Arquitetos de Cozinha

Conselho de Arquitetura e Urbanismo foi aprovado. O que muda?

Curso de Marketing e Vendas para arquitetos

O exercicio profissional e a sustentabilidade das profissões: uma abordagem mercadológica - 3ª parte

O exercicio profissional e a sustentabilidade das profissões: uma abordagem mercadológica - 2ª parte

O exercicio profissional e a sustentabilidade das profissões: uma abordagem mercadológica - 1ª parte

Sociedade entre Arquitetos: A união, normalmente, faz a força!

Em dois meses, construção civil cria quase 102 mil novos empregos

Arquiteto ou arquiteta? Quem é melhor?

O Brasil preparado para crescer...Será???

O Brasil é um país de oportunidades para engenheiros...

Governo planeja construir nova rodovia Rio-Santos

Construção civil, após a crise, deve bater recorde de geração de empregos.

O acidente no Rodoanel e as boas práticas da engenharia

Obras públicas e a responsabilidade do sistema CONFEA/CREAS perante a nação! Final.

Obras públicas e a responsabilidade do sistema CONFEA/CREAS perante a nação! - 1ª parte.

O desabafo de um arquiteto

Relação arquiteto e cliente: um jogo de xadrez deveras complicado!

O IBDA também está no TWITTER

Lei federal exige específicamente a ART de orçamento

Os US$ 5 trilhões do G20 solucionarão a crise?

Crise. Segundo Einstein.

O principal documento para o trabalhador, não tem segunda via.

Lei de licitações e a polemica dos critérios de menor preço

Varejo de material de construcão deverá crescer 8,5 % em 2009 no Brasil.

Oferta de trabalho para 5.563 arquitetos e engenheiros

Orçamentos estimativos sem identificação de autoria pode anular licitação pública.

Lei de Licitações : O país precisa rever a Lei Nº 8666/93

Licitação por pregão : Carta aberta ao Senador Eduardo Suplicy

Irrigar a economia real sem custos extras

Relacionamento Entidade de Classe x Prefeitura... Parceria, Guerra ou Indiferença...

Resistência dos Materiais - Treliça Hipostática

Proposta de Política Industrial para a Construção Civil

Crises e Oportunidades

O TAC no contexto do direito ambiental

Vai montar seu canteiro de obras? Atente para alguns detalhes da norma

Maquete eletrônica – parte 1

Segurança em trabalhos com eletricidade

Como ter segurança em trabalhos com eletricidade

Em busca do tempo perdido

Antoni Gaudí, um arquiteto sonhador?! (Barcelona, 1852-1926)

Arquitetura Antroposófica: as artes plásticas e o desenvolvimento da alma humana

Os CREAs e o IPTU que as Prefeituras querem cobrar...

Zaha Hadid – uma arquiteta orgânica. Gosta de construir descontruindo.

É preciso recompor a arquitetura e a engenharia brasileiras

Quem tem medo de Oscar Niemeyer?

A Liderança Empresarial e a Sustentabilidade

O verdadeiro papel das entidades de classe.

Relação aberta, gol na certa!

O uso da medida grado na Geometria e a Historia Militar Brasileira - Aspectos de unidades de medida

Maquetes Eletrônicas

Eu compro imóvel na planta

Infiltração e drenagem - os temas da Maccaferri no Fórum da Construção

Engenharia de Avaliações

Oportunidades para o setor da construção no Golfo Arábico

CPMF

Táticas para pedir (e conseguir) aumento de salário

Obras e serviços de Engenharia não podem ser licitados por pregão !

Supersimples na construção civil: vale a pena aderir?

Proposta de projeto : a difícil negociação entre o arquiteto e o cliente,

A importância de contratar um Arquiteto e como proceder

Dúvidas mais comuns em relação ao registro de empresas no CREA-SP

Enigma estrutural: Teste estático versus teste dinâmico, ou Como Testar Uma Laje de Salão de Baile

O livro sagrado da Engenharia -- Surpresa! não é aquele que você está pensando.

Pensamentos da Engenharia

Imóvel, alternativa de aposentadoria

Honorários de engenharia : Como é difícil receber !!!

A.R.T. - Acervo e defesa do profissional

Orientação de um velho Engenheiro de Barbas Brancas a um jovem engenheirando sobre um estágio de férias

Aspectos matemáticos e humanos da corrente da felicidade

Invista no Arquiteto!

São Paulo, um gigantesco campo de trabalho para a Arquitetura

Como fazer a retificação de área no Registro de Imóveis

Espanhol cresce como ferramenta de trabalho!

Perguntas mais comuns em uma entrevista de emprego(3/3)

Procedimentos em uma entrevista de emprego (2/3)

Preparando-se para uma entrevista de emprego (1/3)