Seu navegador não supoerta scripts

Busca

 

Curso a Distância - Redução do consumo de água em edificações

Curso a Distância - Eficiência Energética em Edifícios

Curso a Distância - Arquitetura Corporativa

Curso a Distância - Terra Crua

Curso a Distância - Arquitetura Acessível x Barreiras Arquitetônicas e Culturais

 

Artigos

 



Catálogo de Produtos Inclusivos

 

Acompanhe-nos

Facebook   Facebook

 

 

por Redação do Fórum da Construção

Controlar a iluminação das ruas protege humanos e insetos



A iluminação artificial sem controle é uma forma de poluição prejudicial aos insetos, que ficam desorientados em seus movimentos e se reproduzem menos, como aponta uma pesquisa do Instituto de Biociências (IB) da USP. Além do risco da extinção de espécies, a iluminação também afeta os vegetais com a queda na polinização.

O estudo também demonstra que a adoção de filtros nas luminárias atrai menor número de insetos, reduzindo o contato do homem com os transmissores de doenças como a leishmaniose e a doença de Chagas.

Guiando-se pelas estrelas

"A visão dos insetos possui maior sensibilidade à faixa ultravioleta do espectro de luz, utilizando o brilho noturno das estrelas para balizar seu movimento em linha reta", conta Alessandro Barghini, economista com doutorado em Ecologia pela USP e pesquisador do Instituto de Eletrotécnica e Energia (IEE), também da universidade, que realizou o estudo.

"A iluminação artificial faz os insetos se movimentarem em curva, ao redor das luminárias, desperdiçando o tempo que seria utilizado na reprodução das espécies, e causando choques freqüentes com as lâmpadas".


Equipamento de coleta utilizado para medir a atração dos insetos pelas luzes das luminárias[Imagem: Alessandro Barghini]


Insetos nocivos

O pesquisador ressalta que a iluminação artificial também pode atrair insetos que transmitem doenças ao homem e cita os casos de contaminação por doença de Chagas acontecidos em fevereiro e março de 2005 em Santa Catarina.

"A iluminação de vapor de mercúrio de uma venda de beira de estrada fazia o barbeiro, transmissor a doença, se esconder no depósito de cana usada para a produção de garapa, provocando o contágio", conta. No total, 12 pessoas foram contaminadas ao tomarem caldo de cana.

Efeitos do filtro nas lâmpadas

Para avaliar os efeitos da poluição luminosa sobre os insetos e descobrir formas de controle, o pesquisador utilizou luminárias com um coletor acoplado. A lâmpada de vapor de sódio atraiu uma média de 40 insetos por noite, contra 67 da lâmpada de mercúrio.

A luminária com filtro de luz, aplicado no vidro de proteção da lâmpada de sódio, atraiu apenas 15 insetos por noite - um coletor sem iluminação recebeu a média de 8 insetos. "O filtro reduz a exposição da radiação ultravioleta e evita que o inseto se guie pela luz", explica Barghini.

Difusão da luz

Outro modo de reduzir os efeitos da iluminação artificial é a mudança na forma de difusão da luz. "Anteparos colocados nas luminárias, por exemplo, fazem com que o inseto não se oriente pelo brilho das luzes", aponta o pesquisador. "A adoção de iluminação baixa diminui a área iluminada, reduzindo a atração de insetos".

Alessandro Barghini sugere que medidas de controle da iluminação sejam adotadas pelos grandes projetos de distribuição e conservação de energia elétrica, tais como o Luz Para Todos e o Programa de Eficiência da Iluminação Pública (Prolux), do governo federal. "Essas iniciativas devem levar em conta o impacto da iluminação, especialmente em áreas de periferia", ressalta. "Na Grã Bretanha, toda a luz que sai da área que precisa ser iluminada é considerada poluição luminosa".

Contaminação com leishmaniose

De acordo com o pesquisador, as luminárias podem favorecer a contaminação da leishmaniose em regiões periféricas das grandes cidades. "As luzes atraem o inseto transmissor, que parasita cachorros e galinhas, que levam a doença para o homem", explica. No caso da doença de Chagas, existem vários estudos na literatura científica demonstrando a relação entre a iluminação artificial e o contágio pelo barbeiro. "Muito se sabe sobre detecção e tratamento, mas as pesquisas pouco avançaram na prevenção e controle".

Barghini acrescenta que a adoção de filtros nas luminárias, aplicados por deposição metálica no vidro de proteção da lâmpada, não encarece os custos de produção. O estudo é descrito na tese de doutorado de Barghini, apresentada no Instituto de Biocências (IB) da USP. A pesquisa teve orientação do professor Walter Neves, do Laboratório de Estudos Evolutivos Humanos do IB.


Fonte : www.inovacaotecnologica.com.br

Comentários

Mais artigos

Confira 5 tendências de iluminação

A utilização de lâmpadas LED no projeto residencial e comercial de iluminação

Projetos de luminotécnica na decoração de interiores

Iluminação residencial transformando ambientes

Iluminação em LED: vantagens e desvantagens.

Dicas de iluminação de interiores para sua casa

Como planejar a iluminação da sua casa

As dez regras de ouro de iluminação na casa

Níveis recomendados para iluminação de escritórios

Iluminação natural eficiente!

A iluminação direciona os sentimentos

A importância da iluminação na arquitetura

Iluminação para seu jardim II

Iluminação para seu jardim

Como iluminar o jardim durante a noite?

Uso de LED em projetos luminotécnico podem economizar até 70% de energia.

Cuidados com a boa iluminação do ambiente de trabalho

Acerte na escolha da luminária

Melhore a iluminação da cozinha

Como planejar adequadamente a iluminação de salas e cozinhas

O poder da iluminação

Iluminação residencial sem erros

LED - O que é?

Os segredos de uma boa iluminação na sala de estar

Dicas para Iluminação residencial

Lâmpadas para todos os gostos

O sentido da luz (uma reflexão)

Iluminação da cozinha, como melhorar?

Lâmpada LED tubular, vale a pena usar?

Nova norma de luminotécnica : NBR-8995-1

Afinal porque escolher lâmpadas LED?

Como iluminar bem as suas salas

Acertos na Iluminação

A importância da iluminação na arquitetura

Efeitos de iluminação

Iluminação natural eficiente!

Iluminação pública e segurança

Poluição Luminosa

Começa banimento das lâmpadas incandescentes

Iluminação e Sustentabilidade

Estudo de Caso - Sheraton Tribeca - 370 Canal Street NY, NY

Retrofit de Sistemas de Iluminação

Ilumine sua casa com luz natural!

Iluminação Comercial

Aproveitando a luminosidade para decorar ambientes

Iluminação de Fachadas

The next big change!

Iluminação certa para a cozinha

Projetando com LEDs

Iluminação residencial com Leds

Iluminação – A importância de um bom projeto

Projeto luminotécnico otimiza distribuição da luz artificial

Iluminação. Como deixar seu espaço mais agradável.

Tipos de iluminação na decoração

LEDs – Campeões da iluminação sustentável

Iluminação elaborada em casa!

Iluminação, a arte de criar ambientes decorados

Efeitos da iluminação no comportamento humano

Cuidados no descarte de lâmpadas queimadas: fluorescente x incandescente x led

Iluminação? Dicas para iluminar com economia

Iluminação residencial passo a passo.

Iluminação adequada nos ambientes. Dicas importantes.

Arquitetura além da visão: uma reflexão sobre a iluminação nos ambientes empresariais

Controlar a iluminação das ruas protege humanos e insetos

Iluminação sustentável

Lâmpadas fluorescentes compactas ganham eficiência e controle de brilho

A estética da luz e o designer das luminárias.

LED orgânico azul tem aumento de eficiência de 25%

Iluminação : Casa Alto Astral, sempre!

Luz branca de alta qualidade é produzida em lâmpada de estado sólido

LEDs orgânicos ganham 60% em eficiência e se aproximam da comercialização

Esponja absorvente de mercúrio pode resolver dilema das lâmpadas fluorescentes compactas

Iluminação Sustentável

Sistema híbrido utiliza luz solar para substituir lâmpadas

Em busca da luz natural